Cinco sinais de que as coisas não vão bem com o câmbio manual

O câmbio manual sofre desgaste, mas não esconde seus problemas



19 out 2017, 20h55

Alavanca de câmbio do Challenger Hellcat; peça indica defeitos na transmissão (Divulgação/Dodge)

Pense no número de vezes que você troca a marcha de um carro ao longo de um dia. Cada vez que você movimenta a alavanca há um desgaste em todo o conjunto, desde as engrenagens até a embreagem. Agora imagine isso repetido por anos. saiba mais

Guia de Usados: Citroën DS3/DS 3

Esportividade e (muito) estilo marcam a existência do DS3. Se você é um apaixonado por hot hatches, pense nele (Marco de Bari/Quatro Rodas)

Ficou a cargo do DS3, em 2012, inaugurar a linha DS no Brasil ─ até então uma submarca de luxo da Citroën. Apesar dos inúmeros componentes compartilhados com o C3 (no qual é baseado), o hot hatch tem sua própria identidade com soluções mecânicas e de estilo inexistentes no hatch de quatro portas. saiba mais

É amor: conheça as histórias dos apaixonados pela Ford

Tem gente que não troca o carro por nada. Conheça as histórias de quatro apaixonados pela Ford (Trendobjects/Getty Images)

Quem não acredita que a relação entre pessoas e seus carros pode ser baseada em muito amor precisa conhecer as histórias dos apaixonados pela Ford. A marca, que se instalou no Brasil há quase um século, tem fãs fiéis espalhados por todo o território nacional. Esses não trocam seu carro por nada. saiba mais

Miniaturas: Motor de Bugatti Chiron em escala custa o mesmo que um Kwid

Vendida por R$ 30.000, reprodução em escala 1:4 consumiu 2.500 horas de trabalho e foi feita com os engenheiros da Bugatti



19 out 2017, 13h24 – Publicado em 19 out 2017, 13h08

Kit tem 1.040 peças que precisam de 220 horas para serem montadas (Amalgam/Divulgação)

Quem gosta de miniaturas de carros deveria conhecer a Amalgam. A empresa inglesa é referência mundial na reprodução de veículos em escala, e impressiona pelo alto nível de detalhamento de seus produtos – que não custam menos de R$ 15.000 no Brasil. saiba mais

Aston Martin revela DB11 conversível com motor AMG

DB11 Volante tem 510 cv e chega aos 301 km/h; capota de lona é recolhida automaticamente a até 50 km/h



18 out 2017, 15h43

Conversível equipado com motor V8 da AMG tem velocidade máxima de 301 km/h (Divulgação//Aston Martin)

A Aston Martin divulgou imagens e informações do novo DB11 Volante. O elegante conversível é o segundo modelo da marca equipado com motor Mercedes-AMG – o primeiro foi justamente o DB11 cupê, que pode vir com o mesmo V8 do conversível ou um V12. saiba mais